Diagnóstico da Tomaticultura mapeia cadeia de comercialização

Ibrahort, CNTM e pesquisadores em reunião de discussão dos resultados

A terceira etapa do projeto “Diagnóstico da Tomaticultura Brasileira” apresentou em 26 de janeiro os resultados do mapeamento da cadeia de comercialização do tomate de mesa. O projeto do Ibrahort e da Comissão Nacional do Tomate de Mesa (CNTM), com realização do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – CEPEA-Esalq/USP, com patrocínio da UPL OpenAg. A apresentação foi feita pela profª. Drª. Margarete Boteon e demais pesquisadores integrantes do projeto.

O mapeamento da cadeia de comercialização do tomate de mesa no Brasil apresentou o fluxo dos produtos, financeiro desde a produção até a ponta final (consumidor final). Além disso, avaliou o desempenho e a eficiência da coordenação da cadeia de comercialização do tomate no Brasil.

A última etapa do projeto será concluída em abril e tem o objetivo de propor soluções com base na identificação dos problemas apresentados nos relatórios anteriores.

Eixos avaliados

Principais subsistemas de comercialização avaliados

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp